Postagens populares

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Eu vou casar, não fornicar

Alguém vai dizer: “Eu posso fazer tudo o que eu quero.” Pode, sim, mas nem tudo é bom para você. Eu poderia dizer: “Posso fazer qualquer coisa”. Mas não vou deixar que nada me escravize. Outro vai dizer: “O alimento existe para o estômago, e o estômago para o alimento.” Sim, mas Deus acabará com os dois. O nosso corpo não existe para praticar a imoralidade, mas para servir ao Senhor, e o Senhor cuida do nosso corpo. (1 Coríntios 6:12-13)

Mas será que você que está lendo é do tipo que pensa: O sexo foi feito para o homem, então pra quê esperar Casamento?
 
 
Querido leitor, você pode estar um pouco confuso ao ver este assunto aqui no blog, afinal este é um tema muito peculiar onde envolve diversas situações encobertas e aceitas na sociedade atual e infelizmente até dentro das igrejas.
Mas, é justamente aí onde precisamos desde jovens estarmos cientes da verdade segundo a Bíblia, e não aceitarmos “qualquer” ensinamento imposto por um mundo corrompido, e Pensar naquilo que Deus ensina.
 
Fornicação é sexo fora do Casamento Santo do Senhor.
I
Isso inclui todas as situações que possa existir, seja durante namoro, noivado com propósito de casamento, seja ir morar junto sem casar; é Fornicação, é um sexo imoral que foge totalmente da aprovação de Deus.
Eu simplesmente tenho abominação disso, afinal sou fruto dessa tragédia que está presente na vida dos seres humanos.
Um relacionamento sem a aprovação de Deus é como cair de cabeça em um penhasco; é um começo sem garantia de um belo final; é burrice simplesmente.
Quando você conhece uma pessoa e o amor nasce em você (amor, não paixão, nem ilusão) você não tem desejo em mais nenhuma outra pessoa, mesmo num mundo com mais de 7 Bilhões de habitantes, pois é com essa pessoa que você deseja construir um futuro, um final. Então por que atualmente as pessoas não acreditam no Casamento como uma aliança, como um projeto bem sucedido para as suas vidas? Por que simplesmente o inimigo tem interferido diretamente nas relações sociais.

Pra quê casar? Vai morar junto, senão der certo se separa e arranja outra pessoa. Tá carente? Vai pra balada, se divirta, beba, use drogas, seja imoral, indecente, seja o “pegador” e você vai ficar totalmente satisfeito, vai estar na mídia, vai ser popular. Bíblia? É coisa do passado, sabe né estamos no século XXI, não precisamos saber nada dessas coisas que aconteceram antigamente, temos que aproveitar enquanto podemos, desfrutar desse corpo que temos.
Resultado: Sociedade afundada em problemas, pessoas sem direção, sem base, sem princípios e sem vida com Deus.
Não precisa ir muito longe, olhe ao seu redor e veja a precariedade onde chegamos.
Estão achando um “jeito” de legalizar tudo aquilo que a Bíblia condena: Duas pessoas morando junto sem serem casadas? Faz uma declaração no cartório de convivência e tudo certo. Homossexualismo?  Foi aprovado o casamento homossexual dentro de nossas igrejas. Pedofilia? Normal, tão ajeitando ela também. Sabia que até as drogas iam ser liberadas para uso controlado?
Deus ama as pessoas, mas odeia seus pecados.
O que isso quer dizer? Que o Senhor amou o mundo de tal maneira que deu seu único filho, para todo aquele que nele crê, não morra mas tenha a Vida eterna (base em João 3:16), é isso o que pregamos, o Senhor ama você mesmo sendo um pecador, para ele não existe pecadinho e pecadão, tudo é pecado, tudo é transgressão, mas por meio de Jesus Ele está disposto a te levar ao arrependimento para te perdoar e salvar da morte (espiritual). Mas, não ficamos isentos das consequências de nossos pecados, por exemplo, se um fumante parar de fumar hoje, todo o mal que encontra-se em seu pulmão irá desaparecer automaticamente? Claro que não, terá consequências, mas o fundamental é saber que Deus te perdoou e estará com você.
Diga NÃO!
 
NÃO quero viver como o mundo, não quero seus ensinamentos, suas praticas, suas teorias, suas “verdades” para a minha vida. Quero somente aquilo que Deus diz em sua Palavra e seu Espírito confirma o entendimento em meu coração.
Vocês não pertencem a vocês mesmos, mas a Deus, pois Ele os comprou e pagou o preço. Portanto, usem o seu corpo para a glória dele. (1 Coríntios 6:19-20)


Se você quiser conversar mais sobre isso, está aqui uma pessoa que nasceu em um lar onde não procedeu a benção do Senhor, não teve um lar estruturado segundo a palavra e que até hoje sofre consequências disso, uma decisão errada, fora da direção de Deus traz inúmeras consequências. Mas que pela sua graça está aqui decidida a esperar pela vontade de Deus e tê-lo como a pessoa mais importante no meu relacionamento, afinal, não posso deixar o Autor da família fora da minha.
Eu acredito na virgindade para ingressar no casamento, sem esse papo de “adquirir” experiências antes, isso só causa turbulências em um futuro relacionamento. Eu acredito que Deus criou cada ser humano para um único relacionamento, senão haveria criado várias mulheres para Adão. Eu acredito em casamento, mesmo não tendo exemplo disso. Simples, eu acredito na maneira de Deus de cuidar de nós, principalmente em relações interpessoais. E você?

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Santo Espírito

 



:)

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Eu oro por ele...

Pareceu loucura até aqui
Eu ter inspiração para escrever tantos textos á respeito do amor
Coisa que hoje em dia não se dá mais valor


E caminhando eu vou
E dou os passos através da oração
Para muitas ela não passa de uma obrigação
Mas, por ele eu oro
E do mal peço que Deus guarde o nosso coração.



Os dias passam, a noite chega
E eu a me questionar:
Será que realmente por ele vale a pena orar?


Mas, logo recordo-me e reconheço
Sei que não mereço
Mas, não tinha auguem melhor para falar
Do que o próprio Deus que me ensinou a amar.