Postagens populares

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Discurso para 2013

Olá queridos leitores e leitoras, aqui se inicia um discurso para o ano que termina, para o capitulo da minha vida que se finda.
Quero agradecer primeiramente a Deus pela oportunidade de estar aqui e por Ele ser o Autor da minha historia; agradeço aos meus pais e familiares, irmãos e amigos por ter me ajudado até aqui e agradeço a você que está lendo, por fazer parte da minha vida também.

Deus abençoe a todos!


Confesso que este ano foi um ano “temido” por mim. Ainda em 2012 me perguntava o que seria de mim esse ano, o que eu faria da vida, já que tinha terminado ensino médio e curso. Foi um período de poucas esperanças e confesso que um pouco de desespero. Eu pensei: “Ficar o ano inteiro dentro de casa, sem curso, emprego, oportunidades” e foi bem assim.
Escrevi-me no curso de Petróleo e gás (era muito longe de onde moro); escrevi-me no curso de inglês (não pude fazer também, era muito caro); escrevi-me no IFBA (também, não deu certo) e nisso os dias se passando e eu nada. Até que em fevereiro comecei a fazer pré-vestibular, mas era à noite a ainda passava o dia em casa.

O que pensar? Era mesmo falta de sorte? Não.

Era tratamento.
Deus estava me tratando, sabe como? Fazendo-me esperar.

Espera, essa palavra define bem este capitulo.

No inicio eu só queria saber do que EU queria; chorava pelas coisas que passava em casa, pois esse sempre foi o meu maior medo e justamente por isso que eu queria ocupação, mas foi justamente aí, onde Deus decidiu mexer.
Ele vai te fazer aprender, crescer e evoluir em meio a situações que mais você tem medo, onde você tem a certeza que pode se machucar; não porque Ele quer te ver sofrer, mas para você saber que quando Ele está do seu lado, absolutamente nada é capaz de deter os planos que Ele tem pra ti.
Então o que eu fiz? Esperei e caminhei.
Caminhar, mas como?
Com aquilo que eu tinha que fazer se quisesse que a espera valesse a pena.
Fazia jejuns com propósitos.
Orava em relação a tudo, tudo mesmo.
Lia muito!
A minha Bíblia e livros que me edificavam!
Tempo livre? Igreja na certa.
Círculos de oração, já eram certos!
Tirei grandes lições de pequenas situações que vivi.
Dediquei-me mais ao trabalho exercido aqui e no PDMC.
Aprendi muito com as ministrações e posts aqui na internet.
Sabe, posso dizer que aproveitei este tempo!
Não foi fácil, mas foi necessário.
Se não tivesse passado por situações difíceis, jamais teria a visão que tenho hoje.
Ninguém pode tirar as suas experiências, sabedoria e conhecimento.
Por isso, não reclame para Deus, Ele tem conhecimento do futuro a está te tratando agora para que você saiba administrar o que Ele tem para você!
Hoje, escrevo com alegria!
Em julho comecei a fazer um curso de Auxiliar de Laboratório (o único disponível, mas fui!), aí curso pela manhã e pré à noite. Mas ainda assim, me faltava algo! Estava desmotivada, mas confiando em Deus.
E neste mês de dezembro o Senhor me surpreendeu, me deu um emprego.
Preciso dizer que não foi fácil também? Era minha primeira entrevista de emprego, meu primeiro emprego e o apoio e ajuda da minha mãe.
Você já assistiu o filme “A procura da felicidade”? Pois é, depois que finalmente t-u-d-o deu certo, me senti que nem Chris quando consegui aquele tão sonhado emprego!
Glórias á Deus, foi difícil, mas foi lindo! Posso ouvir os gritos dos anjos do céu comemorando.
Hoje faço curso pela manhã; trabalho a tarde; o pré-vestibular acabou (e a noite é igreja na certa!).
Não passei no vestibular que fiz, mas e se Deus não queria que eu fizesse?
Da mesma forma que as outras coisas não deram certo por que Ele tinha um plano melhor e maior, suspeito que Ele agora tenha também!
Posso dizer que a espera ainda não acabou. Quem sabe em 2014 vem um amor?!
Mas, quando sua vida está nas mãos do Senhor, posso dizer que 2014 será muito mais do que você imaginou!

“Se crerem, receberão tudo o que pedirem em oração.” Mateus 21:22

Carinhosamente, Shirley Costa.

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Você talvez salve uma vida

Ninguém se senta com ele, ele não se encaixa
Mas nós sentimos como se fizéssemos quando tiramos sarro dele
Porque você quer pertencer, você vai em frente?
Porque a dor dele é o preço para você pertencer
Não é porque o odiamos ou queremos que ele morra
Mas talvez ele vá pra casa e pense em suicídio
ou volte pra escola com uma arma ao seu lado
e uma gentileza sua talvez tenha salvado a vida dele

Heróis são feitos quando você faz uma escolha!
Você poderia ser um herói
Heróis fazem o que é certo
Você poderia ser um herói
Você talvez salve uma vida
Você poderia ser um herói, você poderia se juntar a luta
pelo que é certo, pelo que é certo, pelo que é certo.


Ninguém fala com ela, ela se sente tão só
Ela sente muita dor para sobreviver por si só
Os machucados que ela não pode segurar transbordam numa faca
Ela escreve no seu braço, quer desistir da sua vida
Cada dia que ela segue em frente é um dia em que ela é forte
Lutando contra a mentira em que desistir é o jeito,
Cada momento de coragem é sua própria vida que ela salva
Quando ela joga fora as pílulas.

Ninguém fala com ele sobre o modo como ele vive
Ele pensa que as escolhas que ele faz são só dele
Ele não sabe que é um líder cujo caminho ele lidera
E outros vão seguir as escolhas que ele fez
Ele vive na borda, ele tem idade suficiente para decidir
O irmão dele que quer ser ele só tem nove anos
Ele pode fazer o que quiser porque é seu direito
As escolhas que ele faz mudam uma vida de nove anos de idade.


Superchick - Hero

domingo, 8 de dezembro de 2013

Preste atenção no amor

"Quando encontrar alguém e esse alguém fazer seu coração parar de funcionar por alguns segundos, preste atenção: pode ser a pessoa mais importante da sua vida.
    Se os olhares se cruzarem e, neste momento, houver o mesmo brilho intenso entre eles, fique alerta: pode ser a pessoa que você está esperando desde o dia em que nasceu.
Se o toque dos lábios for intenso, se o beijo for apaixonante, e os olhos se encherem d'água neste momento, perceba: existe algo mágico entre vocês.


Se acordar no meio da noite e sentir vontade de observar a pessoa dormindo, sentir a respiração, tentar adivinhar o que ela está sonhando e, neste momento, sentir vontade de beijá-la com carinho, e essa pessoa, mesmo dormindo, retribuir, assim, meio inconsciente, fique feliz: vocês já são um do outro, inteiramente...
Se o primeiro e o último pensamento do seu dia for essa pessoa, se a vontade de ficar juntos chegar a apertar o coração, agradeça: Deus te mandou um presente divino - o amor.
Se um dia tiverem que pedir perdão um ao outro por algum motivo e em troca receber um abraço, um sorriso, um afago nos cabelos e os gestos valerem mais que mil palavras, entregue-se: Vocês foram feitos um para o outro...
Se por algum motivo você estiver triste, se a vida te deu uma rasteira e a outra pessoa sofrer o seu  sofrimento, chorar as suas lágrimas e enxugá-las com  ternura, que coisa maravilhosa: você poderá contar com ela em qualquer momento de sua vida...
Se você não consegue dirigir com as duas mãos, porque não pode deixar de tocar a outra pessoa nem por um instante, que incrível: vocês estão correndo perigo e nem se dão conta disso. Simplesmente não conseguem se desgrudar...
Se você conseguir, em pensamento, sentir o cheiro da pessoa como se ela estivesse ali do seu lado; se você conseguir adivinhar o que ela comeu no jantar, mesmo sabendo que ela tem dez pratos preferidos; se você conseguir saber o que está incomodando a pessoa, mesmo que aparentemente esteja tudo bem; se você souber exatamente o momento do filme em que ela vai estar chorando, mesmo sem olhar para ela; se você achar a pessoa maravilhosamente linda, mesmo ela estando de pijamas velhos, chinelos de dedo e cabelos emaranhados; se você não consegue andar pelas ruas, sem deixar de segurar a mão da outra, mesmo que um poste atravesse os dois ao meio; se você consegue ficar somente 15 minutos aborrecido depois de uma briga e terminar tudo somente por meia  hora; se você não consegue trabalhar direito o dia todo, ansioso pelo encontro que está marcado para a noite; se você tiver a certeza que vai ver a outra  envelhecendo e, mesmo assim, ter a convicção que vai continuar sendo louco por ela; se você não consegue imaginar, de maneira nenhuma, um futuro sem a pessoa ao seu lado; se você preferir morrer, antes de ver a outra partindo...: É o amor que chegou na sua vida. É um presente!
Muitas pessoas apaixonam-se várias vezes na vida, mas poucas amam ou encontram um amor verdadeiro. Ou às vezes encontram e, por não prestarem atenção nesses sinais, deixam o amor passar, sem deixá-lo acontecer verdadeiramente.
Por isso, preste atenção nos sinais - não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem cego para a melhor coisa da vida: o amor.

"O verdadeiro amor existe, basta estar com os olhos e o coração bem abertos, que ele acontecerá na sua vida”.

              
- Carlos Drummond de Andrade